BLOG

car on a road

Machu Picchu: como visitar a “cidade perdida”

Machu Picchu é considerado hoje um dos mais importantes sítios arqueológicos do mundo, sendo um símbolo da cultura Inca e da arquitetura da antiga civilização. Antes de ser descoberta, a cidade era conhecida como a “cidade perdida dos incas”, pois não sabiam ao certo a sua localização já que estava escondida entre as montanhas. Após seu descobrimento em 1911, a cidadela inca só foi aberta para a visitação pública em 1948. Hoje, Machu Picchu recebe milhares de turistas anualmente, e para te ajudar a chegar até lá separamos algumas dicas e informações para facilitar a sua ida. (Última mudança nas regras de acesso ao parque: 1º de julho de 2017)

  • COMO CHEGAR?

O ponto de partida mais comum para Machu Picchu é pela cidade de Cusco, que fica cerca a 100 km do Parque. Uma da rotas mais comuns e fáceis é ir de Cusco até Águas Calientes, o vilarejo mais próximo de Machu Picchu. Recomendamos ficar uma noite em Águas Calientes e apenas visitar a cidadela Inca no dia seguinte pela manhã, até mesmo para ir se acostumando com a altitude do lugar. Mas se você não tem muito tempo para isso, dá para ir e voltar para Cusco no mesmo dia. Essa rota pode-se fazer de trem e dura cerca de 3 horas, saindo da estação de Poroy, mais próxima da cidade de Cusco (30 minutos de carro da Plaza de Armas). É importante que você verifique os meses do ano que essa estação opera, uma vez que na época de chuva ela fica fechada. Há também trens que saem de Ollantaytambo e Urubamba para quem tem o interesse de conhecer alguns pontos do Valle Sagrado dos Incas.

Ao chegar em Águas Calientes, a única maneira de ir até o Parque é através de um micro-ônibus que tem saída de Machu Picchu Pueblo a cada 10 minutos. Esse caminho tem cerca de 10km, durando apenas 20 minutos até lá. Na volta, você consegue pegá-lo na entrada do Santuário Histórico de Machu Picchu. O ticket custa aproximadamente US$ 24, ida e volta.

Para quem gosta de se aventurar, é possível fazer trilhas até Machu Picchu. Entre as mais conhecidas estão: a Trilha Inca, que percorre 45Km em 4 a 5 dias; e a Salkantay, que é cerca de 55Km percorridos em 5 dias, terminando em Águas Calientes. Ambas devem ser feitas com guias.